featured Humor

O testemunho do ex-gay

domingo, maio 04, 2014Roberth Moura


Uma peça teatral de
Roberth Moura
Comédia (besteirol)




Dois sofás organizados em semicírculo. Entrevistadora está sentada quando as cortinas se abrem. Os móveis têm que estar no fundo do palco, bem ao centro.
(MÚSICA 1 – Vinheta You Can Leave Your Hat On)
Marta Laura: Estamos aqui diretamente do programa “Vitória na Glória!” e hoje o programa promete estar quentíssimo, polêmica atrás de polêmica, você não pode perder. Mas antes vamos ouvir um recadinho dos colaboradores.
(A produção leva a mesa com produtos para o palco. Marta Laura vai até lá e, imitando as apresentadoras de TV, tenta vender, da maneira mais criativa e engraçada possível produtos como Tekpix, Cogumelo do Sol, Plástica Natural Heloísa Medina, Polishop mil e uma utilidades, etc.)
(MÚSICA 2 – PALMAS)
Marta Laura: (reclama consigo mesmo) Ai que coisa chata. (sentando-se. Para a plateia) Muito bem, voltemos ao nosso programa. O nosso entrevistado de hoje vai fazer uma coisa revolucionária e inédita em rede nacional: ele vai dar... (procurando a ficha. Tem várias na mão) vai dar... (procurando ainda) (faz cara de sexy e dá ênfase sexual no “vai dar”) vai daaaar – mas que inferno de papel é esse que sumiu! Produção! Ah, encontrei. O entrevistado dessa noite não vai dar isto que vocês estão pensando – assim espero! Ele vai dar um testemunho que você jamais ouviu na TV aberta no Brasil: vai contar como ele deixou de ser gay! (para si mesma) me engana que eu gosto. (para o público novamente) Vem aí, Ivanir, com O TESTEMULHO DO EX-GAY! (pede palmas para o Ivanir).
(MÚSICA 3 – Vinheta I Will Survive)
Ivanir entra mandando beijos para a plateia, gritando “TE AMO!”, “VOCÊ ESTÁ NO MEU CORAÇÃO!” “LINDA!” (cumprimenta Marta Laura com dois beijinhos e senta-se no sofá em frente).
Ivanir: Como é que vai flor?
Marta Laura: Muito Bem, obrigada... (olhando as fichas)... Ivanir, aqui me diz aqui que você, agora é 100% hétero. É isso mesmo produção?
Ivanir: (apresentando trejeitos afeminados) É isto mesmo. Fui liberto do jugo do inimigo. Hoje eu sou uma nova pessoa, totalmente renovada. 100 por cento macho!
Marta Laura: (tom irônico) Não me diga...
Ivanir cruza os braços e olha pra ela com cara de “tá duvidando de quê, ô menina?”.
Marta Laura “responde” olhando de baixo a cima em Ivanir.
Ivanir empina o nariz para ela e vira a cara.
Marta Laura: Enfim... (pega uma nova ficha). Você poderia contar pra gente como é que você descobriu que (buscando palavras)... Torcia para outro time?
Ivanir: Que história de outro time é essa? Tá louca gata? Sempre torci para o atlético.
Marta Laura: (sussurrando) Ai bicha burra. (em tom irônico) Amigo, QUERIDO, Amor da minha vida. Super  Hétero.  O que eu quero saber é quando você se deu conta que o rosa era a cor mais bela.
Ivanir faz cara de quem não entende.
Marta Laura: Quando você começou a esquecer a rosca tempo demais no forno e passar do ponto...
Nenhum neurônio se moveu em Ivanir.
Marta Laura: quando que você percebeu que gostava de salsicha com leite condensado...
Ivanir faz cara de quem não entende junto com a cara de nojo.
Marta Laura: (fazendo sinal com a mão) (já ficando possessa de raiva) Amado, me diga, por favor, quando foi que você se atentou para o fato de que era gostoso tomar no redondo? Que o lado de fora do armário era mais prazeroso que o lado de dentro? Quando foi que você resolveu soltar a franga? ME DIGA IVANIR!!!
Ivanir com cara de pensativo. (5 segundos). Marta Laura espera a resposta.
Ivanir: Que franga?
Marta Laura: (olha para a câmera com cara de “eu não mereço isso”). Vamos para os nossos comerciais e voltamos já já.

Black Out
(MÚSICA 4 – Vinheta do programa “Encontro”)
Enquanto a música toca, focos se acendem em lugares aleatórios, de 10 em 10 segundos, onde Marta Laura estará fazendo cada vez uma pose diferente. Ex: escuro – foco na direita – escuro – foco na esquerda – escuro – foco no centro, até a música acabar.

Marta Laura: (sorridente) Voltamos dos nossos comerciais e explicamos ao nosso entrevistado que existiam alguns eufemismos para a palavra homossexual. Como ele também não sabia o que era eufemismo nós explicamos para ele. Não é mesmo produção?
Ivanir: Vou voltar pra casa cheio de novas expressões pra falar com o papai.
Marta Laura: (entre os dentes) Eu não te aconselho a fazer isso. Conta pra gente quando você descobriu que dar dói, mas nem tanto?

Ivanir: Bom, eu acho que eu sempre soube. Eu acho que eu nasci assim, diferente....

You Might Also Like

0 comentários

Flickr Images

Formulário de contato