Especiais Filosofias e Reflexões

Ano novo. Vida nova?

terça-feira, dezembro 31, 2013Roberth Moura


A primeira coisa que me veio à mente quando eu pensei em escrever este post foi que 2013 foi um ano muito “mais ou menos”. Mas aí eu me perguntei (adoro conversar comigo mesmo) “porque mais ou menos? Foi o ano que eu mais amadureci na vida!!”. Fiz várias coisas no ano, mas quando chegou ao final, a sensação que eu tive foi que ele foi igual a todos os outros.

Publiquei meu primeiro artigo intitulado REARRANJOS FAMILIARES DO SÉCULO XXI: o empoderamento da esposa e a retomada da função paterna no seio familiar do emigrante retornado. Escrevi e publiquei dois capítulos de livro (meus xodós!). Comecei a atender pacientes na clínica-escola da Univale. Resolvi iniciar uma análise dos meus comportamentos (nunca havia me submetido ao processo de psicoterapia antes). Realizei um trabalho de alta relevância social no CRAEDI, conforme pode ser visto aqui. Apresentei os resultados de minhas pesquisas na UFES, UFMA, USP e Universidade Metodista de São Paulo. Passei em um processo seletivo do Programa de Prevenção à Criminalidade em Minas Gerais. Tudo isso e muito mais em 2013. O que definitivamente significa que ele não foi igual aos outros.

Para 2014 emergem inúmeras promessas. Aí eu começo a listar: “este ano eu vou (1) ajudar mais o próximo, (2) economizar 20% do meu ‘salário’ todo mês, (3) ir para a academia acabar com a gordura das férias, (4) ler pelo menos um livro que não seja material científico, (5) tirar minha carteira de habilitação, (6) comprar minha moto, (7) ir mais vezes à igreja, (8) atender a todas as ligações que a minha mãe me faz, (9) ligar para o meu pai quando eu não estiver precisando de dinheiro, (10) excluir meu facebook, (11) Gastar menos tempo assistindo novelas, filmes e seriados, (12) Separar um tempo todo dia para não fazer nada, (13) (14) (15) etc.........”.

Mas as esperanças para 2014 são ainda maiores que as promessas. Espero passar no mestrado em uma universidade federal nos primeiros lugares para ganhar bolsa. Para isto eu tenho que aprender o inglês à força. Espero dar conta de fazer duas faculdades ao mesmo tempo sem prejudicar nem uma nem outra (psicologia e pedagogia). E ainda dar conta dos meus estágios. Espero publicar um artigo em uma revista altamente qualificada. E com isso eu espero ter um ano feliz.

E ainda tem gente falando que está passando da hora de eu casar.

Procura-se mulher madura, inteligente e rica.

Enfim, nos balanços de fim de ano eu sempre me pergunto se valeu a pena fazer tudo que eu fiz da maneira que fiz e onde eu quero chegar com tudo isso. E aí parece que existem dois de mim: um que quer subir na vida com esforço e dedicação e outro que quer ir para uma cidadezinha do interior de Minas Gerais de cinco mil habitantes, trabalhar como psicólogo de uma prefeitura qualquer ganhando mil reais, casar com uma professora também funcionária da prefeitura, ter dois filhos e morar em uma chacarazinha perto da cidade.

Por enquanto, parece que o primeiro está ganhando. Ele quer, a todo custo provar algo para alguém que não sabe quem é. Provar uma coisa que não sabe exatamente do que se trata. Ele também não sabe o que irá fazer depois que provar “não sabe o quê” para “não sabe quem”. Talvez este outro eu procura provar para si mesmo que ele é capaz de se libertar das amarras da condição socioeconômica que ele provém, como relatado em Adorável Pobreza.

#FilosofeiAgora

Não vou falar mais nada, se não o texto fica cansativo. Só desejo a todos felicidades e que se encontrem na trama do mundo, assim como eu busco a cada dia me encontrar.

Abraços!!!

Odacyr Roberth Moura.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Ganhar mil reais, casar c uma professora, ter 2 filhos e morar numa chácara? só se a chácara vc ganhar na loteria.. kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk Aqui na minha cidade (São José da Safira) um lote no perímetro urbano pode custar até uns 3 mil reais. Uma chacrinha jeitosinha eu acho baratinho... Ou o meu sogro me dá de presente. rsrsrs

      Excluir

Flickr Images

Formulário de contato